Junte-se a nós

Como se associar à APIC

Reconhecida hoje como uma Associação cada vez mais representativa dos intérpretes profissionais, a APIC dispõe de duas formas para receber novos membros:

Candidato a membro

É necessário ter domínio de, no mínimo, 2 (dois) idiomas, comprovar 50 (cinquenta) dias de trabalho como intérprete profissional em cabine, ser indicado por 3 (três) membros efetivos (sponsors) e contar com um tutor até sua efetivação na Associação.

Membro efetivo/Correspondente

É necessário comprovar 200 (duzentos) dias de trabalho como intérprete profissional em cabine, ter domínio de 2 (dois) ou 3 (três) idiomas e ser indicado por 4 (quatro) ou 5 (cinco) membros efetivos (sponsors), seguindo as normas da Classificação Linguística e Apadrinhamento.

ADMISSÃO COMO CANDIDATO A MEMBRO

Para se inscrever como candidato a membro da APIC, o intérprete deve considerar as seguintes orientações:

  • Dominar, pelo menos, 2 (dois) idiomas.
  • Ter trabalhado como intérprete profissional em cabine pelo período de, no mínimo, 50 (cinquenta) dias comprovados, dos quais 10 (dez) dias com membros da APIC.
  • Ter apadrinhamento: ser apresentado, através do pedido de admissão, por 3 (três) membros efetivos e/ou correspondentes da APIC, sendo que um deles deverá ser nomeado tutor do candidato até sua efetivação na Associação (que ocorre no prazo máximo de  cinco anos), auxiliando-o e orientando-o em todas as situações profissionais.
  • Comprometer-se a trabalhar de acordo com o regulamento e a seguir o código de ética da APIC.
  • Apresentar o pedido de admissão acompanhado de um currículo resumido, enumerando  os eventos no relatório de dias trabalhados, além dos contratos relativos aos itens mencionados no currículo.

ADMISSÃO COMO MEMBRO EFETIVO OU CORRESPONDENTE

Requisitos básicos

Para se candidatar a membro efetivo/correspondente da APIC, o intérprete deve atender aos seguintes requisitos:

  • Dominar pelo menos 3 (três) idiomas, com a classificação “A”; “B” e “C”, ou 2 (dois) idiomas com a classificação “A/A” ou “A/B”.
  • Ter trabalhado como intérprete profissional pelo período de, no mínimo, 200 dias comprovados.
  • Ter apadrinhamento: ser apresentado, através de pedido de admissão, por 4 (quatro) ou 5 (cinco) membros da APIC que preencham as condições de apadrinhamento e classificação linguística constantes do Regulamento, apresentadas a seguir:

Apadrinhamento

Todo pedido de admissão deve ser apoiado, no mínimo, por 5 (cinco) sponsors para 3 (três)  idiomas ou 4 (quatro) sponsors para 2 (dois) idiomas. Os sponsors devem ser membros efetivos e/ou correspondentes da APIC.

Combinação linguística dos sponsors

A combinação linguística dos 4 (quatro) ou mais sponsors, no seu conjunto, deverá cobrir toda a combinação linguística do candidato, em conformidade com os seguintes requisitos mínimos:

a)        para cada língua A do candidato: 2 (dois) sponsors com a mesma classificação nessa língua;

b)        para cada língua B do candidato: 1 (um) sponsor com classificação A nessa língua, ou 2 (dois) com classificação B;

c)        Para cada língua C do candidato: 1 (um) sponsor com classificação A ou B nessa língua, ou 2 (dois) com classificação C.

Deveres do candidato

  • Comprometer-se a trabalhar de acordo com os estatutos, regulamento e código de ética da APIC.
  • Apresentar o pedido de admissão acompanhado de um currículo resumido, enumerando os eventos no relatório de dias trabalhados, além dos contratos relativos aos itens mencionados no currículo.